quarta-feira, 28 de março de 2012

SESSÃO SM

É chegado o dia de mais uma sessão.
Dou as devidas instruções a escrava.
Digo a ela a cor dos esmaltes como se vestir, se portar, falar e o que vai ou não poder fazer.
Marco para as 20 horas em um barzinho da cidade.
Só que para surpresa dela com misto de surpresa medo apareço no estacionamento do trabalho dela próximo ao seu carro.
Ela pergunta: o que fazes aqui dono.
Eu respondo: vim te fazer uma surpresa, me certificar que tudo sairá como ordenado.
Dou lhe um beijo de enlouquecer e pergunto:
Comprou aquele vestido micro preto que ordenei cadela.
Ela diz: comprei sim dono, como o senhor ordenou.
Fui busca-lo agora na hora do almoço devidamente ajustado.
Eu digo posso vê-lo quero ver e me certificar que foi o mesmo que eu escolhi cadela
Como te falei anteriormente quero tudo do meu jeito e nos mínimos detalhes, nada passará desapercebido aos meus olhos.
Pois como digo sempre es minha cadela e sou eu quem respondo e decido por você, só não fui junto porque estava em uma reunião de trabalho.
Não diga nada estou falando agora iremos a minha casa, vou tomar um banho e me arrumar depois vamos juntos a sua casa eu espero em uma lanchonete próxima enquanto você se arrumar.
E se disser que não posso ir pegarei um taxi e ficarei te esperando na sua porta agora a decisão e sua.
Mais uma coisa comprei uma sandália de salto agulha 15 cm pra você usar hoje.
Posso falar dono
Pode sim cadela
Porque tudo isso o senhor nunca foi assim.
Eu te respondo sim minha cadela.
Porque agora estou morando perto, não a distância entre nós.
Posso monitorar tudo de perto
Esta me surpreendendo com isso estou ficando louca no cio.
Eu sei meu cacete esta ficando duro.
Mais cadê o vestido sua imprestável, porque ainda não me mostrou.
Estava esperando o senhor falar
Você escuta com os ouvidos não com as mãos.
Mais é mesmo tapada burra jumenta que não presta nem pra abrir o carro e pegar um vestido.
O senhor esta falando alto, porque isso as pessoas irão escutar.
Se já tivesse me mostrado o vestido não estaríamos mais aqui.
Anda logo, por causa de sua demora será castigada antes mesmo da sessão.
Como o senhor faria isso comigo.
Não tem como.
Eu digo se tem como ou não.
Primeiro só responda quando eu autorizar.
Aqui esta o vestido.
Esta de seu agrado.
Sim esta agora dirija para minha casa sem dar uma palavra, pois estou pensando no castigo que te aplicarei antes da sessão.
Mai senhor não posso falar nada.
Qual foi a parte do você não pode falar nada que não entendeu.
Se der mais um pio uma palavra sequer ponho suas tetas pra fora e mostro pra quem quiser ver.
Sim senhor como sou burra ignorante que não sei entender o que o senhor falou.
Pode ficar calmo que ficarei calada e esperarei ser castigada e punida por meus erros.
É bom mesmo porque na próxima vez não comete erros.
Senhor prometo não errar mais.
Fala em prometer se já errou de novo falando
Esta bom agora ponha estas tetas para fora, quero exibi-las
Mais senhor tenho vergonha medo de alguém me reconhecer.
Pensasse nisso quando cometeu erros e não faz nada direito
Senão tira-los agora eu rasgo sua roupa dai como chegara em casa.
Tudo bem senhor eu vou encostar o carro e tira-los.
É bom mesmo porque comprei um estilete só para isso.
Pronto senhor mais não deixa o vidro aberto não.
É para deixar o vidro aberto.
Em no máximo dez minutos estaremos em casa.
Você como minha vira latas minha puta meu lixo meu bichinho de estimação um verme rastejante vive somente para me servir.
Hoje você será colocada no seu devido lugar.
Depois de hoje jamais fará algo para me desagradar.
Eu prometo te obedecer senhor.
E vai se preparando porque hoje vou comer seu cuzinho.
Começar a deixa-lo arrombado.
Como assim senhor.
Você sabe do que estou falando meu bichinho de estimação.
É isso mesmo que esta pensando.
E mais já encontrei o consolo só falta arrumar a crina pra fazermos seu rabinho.
Mais uma coisa comprei dois consolos um vibrador e um plug anal, para você dormir com eles esta noite.
Mais dono como assim.
Isso mesmo que te falei cadela.
Es minha escrava de uso exclusivo, faço o que quiser e desejar com você.
Eu decido, mando e respondo por você.
Fui claro.
Foi sim senhor já posso cobrir os seios.
Quem disse que você tem seios, já cansei de falar você tem é tetas.
Sim senhor desculpe mais já posso cobrir minhas tetas.
Um detalhe comprei dois sininhos bem pequenos para você usar no bico das tetas hoje.
Como assim dono me explica
São dois prendedores de mamilos que são sinos quando você anda eles tocam.
Há não senhor é bem humilhante constrangedor como vou colocar isso em casa.
Eu colocarei quando sairmos de sobradinho.
Vai usar porque eu quero que use.
Quem vai se sentir humilhada e constrangida é você não eu.
Pouco me importo com isso, pois já disse a você que fará tudo o que eu quiser e determinar.
Já encomendei também estes mesmo prendedores pro clitóris.
Dai quando sairmos todos ouvirão os sinos mais não saberão de onde veem.
Dono já estamos chegando posso me cobrir.
Agora pode mais só ira se cobrir agora porque já estamos chegando.
Obrigado senhor por me mostrar o meu lugar.
Prometo nunca mais errar.
Bom chegamos agora vou tomar um banho e você me espere de joelhos olhando para a parede.
Mais sua mãe pode querer entrar aqui.
Eu tranquei a porta.
Mais eu fico com medo de ela aparecer
Faça o que mandei senão me atraso.
E não se preocupe ela não vira ao meu quarto.
Tá bom senhor ficarei de joelhos olhando para a parede.
Antes de tomar banho deixa eu te humilhar um pouco sua cadela puta vadia ordinária safada devassa louca insana idiota ibecil verme rastejante cretina tapada jumenta que não sabe fazer nada se eu não fizer por você.
Só sabe fazer algo relacionado a trabalho e família porque o resto depende de mim para tudo.
Sim senhor dono dependo do senhor para tudo.
Agora calada porque vou tomar banho e me arrumar.
De repente meu dono sai do banheiro e não diz nada, e eu, já com medo não digo nada.
Só vejo ele vindo em minha direção me puxa com força pelos cabelos e me joga com força em sua cama abre minhas pernas com o estilete corta minha calcinha e eu sem entender nada pergunto porque esta fazendo isso dono.
Eu já te disse quando me ver ou sair comigo nada de calcinha.
Mais senhor não sabia que iria vê-lo.
E tão burra tapada que ao me ver poderia tira-la dentro do carro.
Me perdoe senhor dono pelos meu sucessivos erros que tenho cometido, prometo jamis cometê-los outra vez, peço perdão de coração e estou aqui pronta pra receber o castigo pelos meus erros, mesmo sendo uma unutil, imbecil agradeço por me querer e ter paciência comigo. lambidinhas aos seus pés.
E serás castigada humilhada por todos os teus erros.
O senhor já pensou no castigo.
Sim só te direi na hora exata.
Agora vou terminar de me arrumar para irmos a sua casa para você se arrumar.
Sim senhor dono de mim, serás como o senhor quiser.
Pronto vamos para sua casa.
Sim senhor
Nos dirigimos até a casa de minha cadela chegando lá ela se arrumou como ordenado e fomos a um barzinho prontamente escolhido por mim antes da sessão.
Chegando no barzinho ordenei que ela ficasse em pé.
Porque dono não posso me sentar.
Calada mandei ficar em pé
De repente mando ela afastar as pernas e começo a passar a mão entre as coxas delas num vai e vem delicioso.
Noto que ao mesmo tempo em que ela esta com medo constrangida sente prazer tesão.
Dono não faz isso as pessoas podem olhar.
Eu sei por isso estou fazendo assim você jamais cometera erros novamente.
Me perdoe senhor prometo não mais errar e só o senhor ter paciência e me ensinar.
Pode sentar mais com as pernas abertas.
De repente sinto meu dono novamente passar a mão entre minhas coxas.
Peço a ele em vão para que ele não faça isso e ele diz quetinha vagabunda inútil vou te fazer gozar na cadeira.
Por favor senhor isso não.
Não adianta falar ou fazer nada porque o farei.
Quando te fizer gozar comeremos algo e iremos para o motel.
Tentei argumentar me humilhar em vão.
Ele se mostrava disposto a fazer o que viera fazer.
Eu não podia fazer nada para impedi-lo.
Eu dizia dono vou gritar de tanto tesão.
Neste momento ponho a mão dela em meu cacete duro e latejando.
Dou lhe um beijo de enlouquecer.
Pus a mão na boca da cadela para ela não gritar e fiz ela ter orgasmos múltiplos.
Depois comemos fomos ao mercado e depois para o motel.
Chegando no motel estacionamos o carro e pus a coleira de sessão.
E mandei que ela ficasse de quatro.
E disse a ela hoje ira pagar caro por todos os teus erros.
Prontamente peguei a cadela pelos cabelos e a coloquei de bruços sobre a mesa, levantando seu vestido.
É hoje que arregaçarei seu cuzinho.
Dono por favor não.
Cala a boca seu lixo verme puta.
Hoje te farei a pior das vagabundas.
Mais primeiro vou te dar uma surra para jamais esquecer.
Peguei a tala e comecei a bater na bunda com força.
E ela num misto de choro dor e prazer implorava para eu parar.
Eu dizia só paro quando você estiver com a bunda vermelha.
Porque esta fazendo isso.
Nunca vi o senhor assim tão sádico.
Eu te disse que as coisas irião mudar, mas você não acreditou
Perdão senhor por não ter acreditado.
Vá falar com padre bispo pastor papa, quem sabe eles te perdoam.
Porque eu não te perdoo.
Serás punida com rigor até aprender o seu lugar.
Nossa dono esta me dando ate arrepios aqui.
Agora calada chupa meu cacete que esta duro e latejando.
Neste momento algemo as mão da escrava e ponho ela de joelhos para chupar e lamber meu cacete duro.
Deste jeito vou ficar louca insana, nunca mais vou querer largar o senhor.
Pus ela na cama mandei sentar em meu pau duro fazendo um vai e vem delicioso.
Enquanto ela cavalgava em meu cacete humilhava ela reduzia ela a nada.
Dai falei para que vou gozar.
Gozei no chão e fiz ela lamber todo meu gozo.
Fiz ela também limpar meu cacete.
Peguei o plug e lubrifiquei ele e o cuzinho de minha puta.
Vendei ela e comecei a arrombar o cuzinho dela primeiro com o plug depois com meu cacete duro.
Quando comecei a arregaçar seu cuzinho a cadela diz:
Dono to ficando louca nunca fiquei assim pelo senhor antes.
O senhor quer me enlouquecer.
Não viu nada ainda nem comecei a sessão isso é so um castigo que esta merecendo.
Depois de arrombar o cuzinho dela ponho ela com as pernas abertas na parede.
E pego meu chicote de 3 pontas e começo a açoita-la sem dó nem piedade.
Dono não faz isso esta doendo muito.
E eu com isso esta doendo em você não em mim.
Dono eu suplico faço qualquer coisa para o senhor parar.
Neste momento olho na cara dela e cuspo nela.
E digo calada estou perdendo a concentração sua inútil imprestável seu lixo meu bichinho de estimação.
Hoje iras sofrer em minhas mãos.
Porque o senhor esta assim.
Vou te enlouquecer cadela.
Eu também irei te enlouquecer.
Neste momento nos beijamos loucamente como jamais havíamos nos beijado antes.
Já me enlouqueceu você sofrera na pela por não me obedecer e fazer coisas que me desagradaram.
Depois de terminado a surra tiro os prendedores dos mamilos e coloco pregadores de roupas.
E a escrava diz:
Tá doendo muito dono para por favor.
Quem disse que irei parar.
So vou parar amanhã na hora de você ir embora.
Dono nunca te vi assim.
Neste momento puxo cada prendedor com força e vou tirando um por um.
A cadela gemendo de dor prazer e chorando ao mesmo tempo.
O senhor esta impossível hoje.
Não viu nada agora que começarei a te usar.
Como assim dono.
Puxei a pelos cabelos e a joguei no chão de maneira a ela se sentir um lixo totalmente humilhada.
E coloquei ela de 4 novamente.
Foi ai que comecei a pingar velas nela.
E ela implorando dono isso não para por favor.
Se der mais um pio vou te amordaçar.
E sentia ela totalmente no cio louca insana intensa querendo mais e mais.
Depois das velas mais uma vez ela ficou de joelhos mamando meu cacete bem gostoso como uma puta.
Ela mamava e ficava cada vez mais no cio.
Depois abri as pernas delas e coloquei meu cacete duro na buceta dela.
E comecei a come-la como uma puta bem vagabunda ordinária.
Tirei meu cacete pra fora e gozei na boca dela.
Dai fui chupando os biquinhos do seios e ela ficando louca depois comecei a chupar o grelinho dela e ela mais louca ainda pedia não para dono continua.
Dai coloquei 2 dedos na xoxota molhadinha dela e fiz ela gozar como uma louca tendo orgasmos múltiplos e ela latia gritava gemia de prazer.
Então comecei a brincar mais um pouco com o cuzinho dela e ela falando para dono.
Não to aguentando mais o senhor esta acabando comigo.
Me deixando deste jeito louca insana
Mais puta e mais vadia que nunca.
E eu disse não viu nada ainda.
Depois fiz uma deliciosa massagem na cadela.
Humilhei ela mais um pouco.
E ela totalmente entregue rendida insana louca.
Dai tomamos banho e disse agora que começa a brincadeira
Algemei novamente as mãos dela abri suas pernas e coloquei um vibrador em sua buceta e um plug em seu cuzinho, amarrei bem pra não cair e disse agora iremos dormir.
E ela disse como conseguirei dormir dono.
Para por favor to ficando ainda mais louca.
Dai falei fica quieta quero descançar e ela gritando latindo de prazer tendo orgamos a todo instante.
Quando acordei vi que ela estava de pernas bambas
E ela implorava pra eu tirar e eu disse agora tiro.
Isso foi so pra mostrar que es minha propriedade.
Agora irei cuidar de você pra irmos embora.
Mais não se esqueça es meu bichinho de estimação meu brinquedo minha mercadoria minha escrava minha puta.
Sim dono depois de hoje jamais esquecerei disso
Estou assumindo o controle total de sua vida cuidarei de tudo que diz respeito a você, inclusive sua família.
Obrigada dono estou mais entregue mais rendida e feliz.
Porque me colocou no meu devido lugar.
Dai fomos embora ela me levou em casa nos despedimos com um beijo bem insano e devasso.

Um comentário:

LEO disse...

Vindo aqui para conhecer vcs!
apareçam no
www.seximaginarium.blogspot.com
Boa páscoa procê!
Bjjsss
LEO
Aproveitando a data - no blog:
Você prefere sexo ou chocolate?